Máquina que fabrica cercas vai ser lançada no 32º Show Rural

Por Jean Paterno

Legenda: O equipamento garante a entrega de até 30 quilômetros de cerca por mês

Uma máquina que desmancha e fabrica cercas de forma automatizada vai ser lançada nacionalmente em fevereiro, em Cascavel, durante o 32º Show Rural Coopavel. A novidade estará na área da pecuária e promete despertar a atenção de quem atua nesse segmento do agronegócio.

Máquinas semelhantes foram desenvolvidas há cerca de cinco anos na Itália, Austrália e Nova Zelândia. “O equipamento desmancha a cerca que já existe e o arame antigo é rebobinado e pode ser empregado em novos empreendimentos. A nova, de cinco fios, é feita com uso de postes metálicos, bem mais resistentes que os de eucalipto tratado”, diz o gerente de Negócios Agro da Belgo, empresa com sede em Cotagem (Minas Gerais), Guilherme Viana. O mercado para essa tecnologia é grande no País, já que são fabricados cerca de 780 mil quilômetros de novas cercas por ano – distância similar à ida e volta da Terra à Lua. O ramo movimenta o equivalente a R$ 6 bilhões por ano.

Em um primeiro momento, a máquina utiliza postes metálicos para arames farpados e lisos, eletrificada. Uma nova versão, para postes em eucalipto está em desenvolvimento. “Atendemos a duas dores dos agropecuaristas com essa máquina: a falta de mão de obra especializada, que está cada vez mais escassa, e a durabilidade do material metálico, que é de mais de dez anos, o dobro do material convencional”, explica Guilherme. “Em todos os eventos que participamos, por todo o Brasil, a demanda era sempre a mesma. De que era necessário suprir a escassez de mão de obra e colocar no mercado um equipamento eficiente e que fizesse frente à necessidade, por isso desenvolvemos essa máquina”, segundo o gerente.

30 quilômetros

O equipamento é rebocado por um trator e, devidamente operado, tem capacidade para entregar até 30 quilômetros de cerca por mês. A produtividade é 15 vezes maior que o trabalho manual feito por equipe de duas a três pessoas. A versatilidade é outra característica, já que desmancha a cerca existente e coloca outra, nova no lugar, otimizando tempo e custos de operação. À medida que a tecnologia for assimilada, a intenção é colocar à disposição dos agropecuaristas equipamento com força motriz própria, de acordo com Guilherme.

A parceria disponibiliza uma solução indicada para terrenos planos e ligeiramente ondulados. Portanto, não pode ser empregado em áreas de relevo acidentado. A máquina se utiliza de comandos mecânicos e hidráulicos, que se mostram bastante ágeis e eficientes para a tarefa. Outra novidade da Belgo no Show Rural Coopavel será o lançamento nacional de uma tela desenvolvida contra invasões de áreas de cultivos e pastejo por animais silvestres, muitos deles que precisam por lei ser preservados.

A área pecuária é uma das atrações do 32º Show Rural Coopavel, agendado para o período de 3 a 7 de fevereiro em Cascavel, no Oeste do Paraná. Em sete pavilhões, o setor pecuário apresentará 420 animais de exposição e argola. O melhor de 15 raças, informa o coordenador do segmento, o zootecnista Rozimbo Júnior Magro. Outra das atrações será o salão tecnológico, onde os visitantes poderão conhecer uma leitaria praticamente toda tocada com o uso de robôs.

Crédito: Assessoria

Banco do Brasil Caixa Governo Federal