Projeto Reciclo é ampliado no Show Rural Coopavel 2017

Por Show Rural Coopavel

O Projeto Reciclo foi criado com objetivo de gerir de maneira adequada os materiais recicláveis, porém a ação já existe desde o ano de 2012 com a Central de Resíduos Recicláveis através de uma parceria com a Bayer e desde o ano 2013 está no Show Rural Coopavel fazendo a coleta e separação do lixo produzido durante o evento.

A Central está instalada no Parque Industrial da Coopavel, possuí uma área física de 1.200 m², um veículo para realizar a coleta dos resíduos nas indústrias, prensas para enfardar os materiais coletados, sendo que cada fardo pode variar de 150 a 250 quilos que vai depender do tipo de material. Ainda a CRC conta com uma equipe com oito colaboradores, exclusivos para desenvolver os trabalhos de seleção e prensa dos resíduos. Depois de recolher, separar e prensar os materiais na sequência eles são destinados para comercialização como matéria prima às indústrias que fazem o processo de reciclagem. Os produtos recicláveis têm os mais diversos os tipos são: papéis, papelão, plásticos (PET, PEAD, PEBD, PVC, PP, OS, entre outros), botas de borracha, luvas descartáveis, que acumulam um média mensal de 50 toneladas de materiais que têm a sua destinação correta e que não serão descartadas no meio ambiente.

Todos os anos no Show Rural eles coletavam e reciclavam todos os materiais, este ano a separação e a prensa dos produtos foi realizada em um espaço dentro da feira, para que o visitante pudesse visualizar o trabalho. O Projeto foi intensificado, na coleta seletiva, desde o período da montagem, durante a feira e na desmontagem. Este ano 14 colaboradores trabalharam na separação do lixo e 300 lixeiros em toda extensão do parque. Os materiais coletados foram separados por tipos de resíduo, veja a classificação e um comparativo entre os anos de 2015 e 2016.

TIPO DE RESÍDUOS ANO
2015 2016
Materiais separados e enviados para as indústrias de Reciclagem (plásticos, papéis, metais) 28.040 Kg 24.135 Kg
Materiais enviados para aterro industrial (Classe II – Resíduos não recicláveis – rejeitos) 13.200 Kg 9.600 Kg
Resíduos de madeiras (Reaproveitados nas Fornalhas para geração de energia térmica) 28.200 Kg 33.400 Kg
Resíduos Orgânicos – refeitório (Reutilizados em processos de compostagem). 17.200 Kg 13.020 Kg

 

Banco do Brasil Governo Federal